Vida verde

 

 

Muitas árvores.
A cada instante.
Poucas vidas.
Outra, outra.
Várias vezes.
Nenhuma árvore.
Alguém que foi.
Ninguém que veio.
Nada ficou.
Tudo se foi.
Alguma providência!?
Poucas.
Quaisquer que sejam.
Não há mais nada.
Algo é certo.
Todo, toda, todos sumiram.

 

Letícia Luccheze.