Lua

 

 

Oh lua
que ofusca a sua beleza
de meus olhos.
Não a encontro
em parte nenhuma
do universo do meu quintal.
De tão bela
deve guardar o seu esplendor
aos lobos que uivam
em honra ao seu reinado.
Será que os lobos
que uivam 
estão atrás de ti?
Ou estariam enfeitiçados
por ti?
Ou uivam
para suas fêmeas?

 Oh lua
que não a encontro.
Em meus olhos
és tão bela.
E como os lobos
estaria eu enfeitiça.
Uivando em silêncio
do seu encanto,
no chamado do sexo oposto.

 

Letícia Luccheze.