Lindo Mar

 

Ao teu lado,
nas carícias de um abraço.
Sonhei!
Amei-te,
amo-te,
amarei-te. 

No beijo ardente de teus lábios,
desejei.
Queria,
quero,
quererei. 

O olhar tão meigo,
                              sensível,
                              sincero,
                              inesquecível,
                              eterno. 

Suspiro no teu suspirar,
caminho no teu caminhar,
desejo também o seu desejar.
Ah!
Como é bom ser a sereia desse Lindomar.

 

Letícia Luccheze.

 

 

                                                                                                                                                                            Poema escrito para Lindomar Araújo Silva.